domingo, 30 de dezembro de 2012


IRACEMA VALE E MIGUEL MESQUITA DIVULGAM EQUIPE DE GOVERNO


A prefeita eleita Iracema e seu vice Miguel divulgaram nesta última sexta-feira a composição da equipe de governo para a gestão que iniciará no dia 01º de Janeiro de 2013. 

Iracema aproveitou para anunciar a possível realização de concurso público no máximo nos primeiros meses de 2014, falou ainda da necessidade de um recadastramento de funcionários que será realizado logo nos primeiros dias de janeiro.

O recadastramento já deixa o funcionalismo de sobre-aviso organizando sua documentação pessoal. 

O horário de expediente da nova gestão será de 8 às 14 h. 



CONSELHO DE GESTÃO
José dos Milagres (Zemir), José Gomes Dôca, Clemilton Barros e Gibeonilton Bizerra

ADMINISTRAÇÃO
Aldenir Santana e Conceição Martins (Tetinha)

EDUCAÇÃO
Nilma Sodré e Reginaldo Ferreira

SAÚDE
Clesiane da Silva e Alice Macedo

FINANÇAS
Herlón Costa e Adersifrance Melo

ASSISTÊNCIA SOCIAL
Socorro Neves e Edinilson Moura

AGRICULTURA
Tomaz de Aquino(Totó) e Priscila Faustina

ESPORTE
Adilson Gomes e Newton Mesquita

INFRA-ESTRUTURA
Josenir Franco(Mimi) e José Rodrigues (Ribão)

MEIO-AMBIENTE
Guaribaldo Ferreira e Maurelio Marques

TRABALHO E CIDADANIA
Ivanildes Bastos e Jesus Souza

CULTURA
Wilson Souza e Doriana Batista

COMUNICAÇÃO
Iranilton Avelar

CHEFE DE GABINETE
Allison Aquino

ASSESSORIA DA PREFEITA
Darcy Almeida Melo e Raimundo PC 

PROCURADORIA DO MUNICÍPIO
Noeme Barros

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

NARRATIVAS: CODÓ, TIMBIRAS E URBANO SANTOS


Foto: Fórum Carajás
Numa viagem, é bom perguntar se por perto haverá um porto seguro. Pelas tantas, fica difícil.  Pensaste em bons samaritanos, mas eles só existem na Bíblia Sagrada. Pode ser que apareça alguém solicito. Oferecer um pousio, depois de horas e horas. Andar só por esse mundão, uma hora o cansaço aperta. Viajou vários dias, entre um município e outro, entre uma comunidade e outra. Comunidades no interior do Maranhão a perder de vista. A miséria grassa sobre essas comunidades. Codó. Timbiras. Urbano Santos. Os Cocais, região central do Maranhão, e o Baixo Parnaiba, próximo ao litoral leste maranhense, Barreirinhas e Santo Amaro.

Os projetos de infraestrutura e de reflorestamento prendem as comunidades numa infâmia permanente. Em Codó, a TG agroindustrial pretendia plantar mais de 25 mil hectares de cana para produzir etanol. A seca de 2012 fez com que ela repensasse seus planos e agora quer plantar eucalipto. O grupo OGX, do empresário Eike Batista, sonda o município de Timbiras atrás de gás. Nesse afã, a empresa irrompe propriedades adentro ao menor descuido na vigilância por parte dos moradores.
A OGX avalia que em parte do subsolo maranhense encontra-se grande reserva de gás. Onde a empresa avança, sobram comunidades tradicionais. A OGX, como as demais empresas do senhor Eike Batista, fortalece-se financeiramente dentro da lógica de expor um produto ao mercado. Isso atrai investidores para o rebanho do senhor Eike. O senhor Evandro Loeff conduz os seus investimentos no Maranhão direto do Mato Grosso do Sul. Os seus investimentos giram em torno das monoculturas da soja e do eucalipto. Ele comprou parte da Chapada da comunidade de Bebedouro, município de Santa Quiteria, desmatou e plantou eucalipto. A Suzano comprou o restante e desencadeou o mesmo processo.
Os moradores do Bebedouro não tem mais área para coletar bacuri e para roçar. Quando querem, eles precisam se dirigir as comunidades de Bracinho, Bom principio e São Raimundo a fim de coletarem bacuri. Os moradores assumiram que não possuem mais terras e vivem do que é dos outros. As comunidades de Bracinho, Bom Principio e São Raimundo vivem do que é seu. O advogado Diogo Cabral da Fetaema em sua ação contra a pretensão do senhor Loeff em desmatar a Chapada de São Raimundo argumentou que essa comunidade convive com o meio ambiente saudável por séculos e que um desmatamento de mais de 900 hectares, como o que o senhor Loeff gostaria de fazer, destitui-los-ia dessa convivência. A juíza de Urbano Santos concedeu a liminar em favor da comunidade de São Raimundo.
Insurgir-se contra algo requer muita coragem. O Paulo, responsável pelo cartório de Urbano Santos, perguntou aos funcionários do empresário Evandro Loeff se eles sabiam no que se meteram ao pretenderem desmatar mais de 900 hectares da comunidade de São Raimundo. Assim que pressentiram a aparição dos moradores da comunidade no cartório, os funcionários responderam que dispensavam briga e escafederam-se. O Paulo entabulou uma conversa com a Francisca: “Admiro muito sua luta pela desapropriação de São Raimundo e condeno que algumas pessoas aqui de Urbano Santos esquematizem junto com o pessoal do Loeff para que o desmatamento aconteça”.
O Nêgo Garreto, membro de uma família tradicional do Baixo Parnaiba maranhense, se enraiveceu do Paulo. Ele se desfaria de Santa Rosa, área de Chapada com mais de dois mil hectares na bacia do rio Preto. A Suzano Papel e Celulose compraria a área. Antes do negócio ser concluído, o Paulo informou o sindicato que na mesma hora protocolou no Incra um pedido de vistoria da área. Segundo o Isaias, que integra a direção do STTR de Urbano Santos, a Chapada da Santa Rosa não se compara em número de bacurizeiros à Chapada de São Raimundo, mas se engradece como uma das mais bonitas da região.
Por toda a região do Baixo Parnaiba maranhense, os eucaliptos ressecam. O Domingos, membro da Associação de São Raimundo, acredita que os funcionários da Suzano erraram na quantidade de veneno aplicado. Os eucaliptos na propriedade de Evandro Loeff mirraram. O Sebastião, presidente da Associação do povoado Coceira. confirma que os eucaliptos da Suzano na Barra da Onça, município de Santa Quitéria, morreram em grande número. Uma das hipóteses é que extensões de terra no Baixo Parnaiba maranhense e no interior do Piaui apresentem alto teor de alumínio.
Fonte: Combate ao Racismo Ambiental, Mayron Régis

JUSTIÇA REAFIRMA A JORNADA DE 20 HS DOS PROFESSORES DE URBANO SANTOS


professores pararam em 2009, dentre outras, devido a dobra de jornada via decreto
O decreto (n° 14/2009) que aumentou a carga horária dos professores da rede de ensino de Urbano Santos de 20 para 40 horas semanais(adm. Abnadab Léda) não pode ser aplicado pelo Município, cabendo ao prefeito editar apenas atos de regulamentação. A decisão foi tomada pela 2ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça, em reexame do processo.

A ação original foi proposta pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Básicas das Redes Estadual e Municipal (Simproesemma), alegando que o decreto que aumentou a carga horária dos professores - de 20 para 40 horas semanais - contraria as normas que regularam o concurso e a admissão dos servidores.

O juiz da comarca de Urbano Santos já havia determinado a suspensão dos efeitos do decreto, mantendo a carga horária de 20 horas e impedindo o Município de fixar jornada diferente, decisão que foi confirmada no julgamento da 2ª Câmara Cível do TJMA, na semana passada.

O relator, desembargador Marcelo Carvalho Silva, manteve o entendimento do juiz, salientando que o Município possui um Estatuto do Magistério, que fixa a jornada de trabalho dos professores em 20 horas semanais. Em consequência, apenas outra lei poderia alterar a jornada.

O entendimento do magistrado foi acompanhado pelos desembargadores Nelma Sarney e Vicente de Paula Gomes.
Fonte: O Imparcial de 26/dez/2012

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

POLÍCIA CIVIL PRENDE ACUSADO DE RECEPTAÇÃO DE VEÍCULOS ROUBADOS QUE ATUAVA EM URBANO SANTOS, BARREIRINHAS E SANTA QUITÉRIA


Uma operação da Polícia Civil de Barreirinhas culminou com a prisão de Davi de Paula Almeida, de 29 anos, acusado de integrar quadrilha que receptava veículos roubados nas cidades de Urbano Santos, Santa Quitéria e Barreirinhas. Na operação foram recuperados três motos e localizados dois carros.

A prisão de Davi de Paula ocorreu terça-feira (18), após monitoramentos da Polícia Civil nas proximidades do povoado Bebedouro. No momento da prisão, ele estava com dois veículos, um Fiat Uno e uma caminhonete Hilux. 

A quadrilha na qual integrava Davi era responsável por receptar e revender veículos roubados. De acordo com o delegado responsável pela prisão, Cristiano Morita Nocko, além de receptação, eles também atuavam como estelionatários. "Recebiam os veículos roubados e em seguida vendiam, enganando pessoas que compravam", contou o delegado.

Durante as buscas realizadas pela polícia também foram recapturadas três motos, sendo duas do modelo Fan e uma Titan, que estavam localizadas em um local de difícil acesso, nas proximidades do povoado Bebedouro.

Investigações
Com base nas informações do delegado Cristiano Nocko, as investigações apontam ainda três pessoas que estariam envolvidas no crime de receptação. "As buscas continuarão até que a quadrilha toda seja presa", reforçou.

Segundo o delegado, com base nas investigações do inquérito policial, o mandado de prisão preventiva de Davi de Paula Almeida assim como dos demais envolvidos, que não tiveram os nomes divulgados para não comprometer as investigações, já foram solicitados junto à Justiça.

Davi de Paula foi ouvido e ficará detido aguardando decisão judicial. De acordo com o delegado, ele foi autuado por crime de receptação e ainda por estelionato.

Fonte: O Imparcial

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

RELATÓRIO DE IMPACTOS SÓCIO-AMBIENTAIS É APRESENTADO A COMUNIDADES DO BAIXO PARNAÍBA


Lideranças atentas à apresentação do Relatório - Urbano Santos
Foto: Igor Almeida
Nos dias 11 e 18 de dezembro, o Grupo de Estudos Rurais e Urbanos (GERUR), vinculado ao Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais - UFMA, apresentou em Santa Quitéria e Urbano Santos, respectivamente, o Relatório de Impactos Socio-Ambientais no Baixo Parnaíba Maranhense.

O Relatório, construído pelo GERUR em parceria com o Fórum em Defesa da Vida do Baixo Parnaíba Maranhense (FDVBPM), aponta os impactos sociais e ambientais em diversas comunidades dos município de Santa Quitéria, Urbano Santos e Mata Roma, principais áreas de atuação dos sojeiros e de plantação de eucalipto por parte da Suzano Papel & Celulose.

No dia 11, a apresentação do Relatório foi feita na Câmara Municipal, com a participação de dezenas de lideranças das comunidades pesquisadas, da Diocese de Brejo (Igreja Católica), organizações locais e o prefeito e os vereadores eleitos para exercerem o mandato a partir de 2013.

No dia 18, em Urbano Santos, a apresentação do Relatório aconteceu na sede do Sindicato de Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais - STTR, e contou com a participação, além das lideranças das comunidades pesquisadas, com representantes da Sociedade Maranhense de Direitos Humanos (SMDH), da Pastoral Social da Diocese de Brejo, da Paróquia de Urbano Santos, do STTR local.

Na oportunidade, a Professora Doutora Maristela de Paula Andrade, coordenadora do GERUR, apresentou, em conjunto com mais 04 estudantes integrantes do grupo de pesquisa, para as lideranças os principais problemas ambientais e sociais ocasionados pela expansão da soja e da plantação de eucalipto pela Suzano. Nas comunidades pesquisadas em Urbano Santos, o assoreamento de rios, igarapés e lagoas - no aspecto ambiental - e os direitos trabalhistas negados pelas empresas terceirizadas pelo Grupo Suzano - no aspecto social - foram os principais problemas identificados pelos pesquisadores.

Prof. Dr. Maristela, lendo decisão judicial favorável à comunidade de Urbano Santos
Foto: Igor Almeida
Após a apresentação, mais de 15 lideranças das comunidades manifestaram-se, parabenizando o FDVBPM e o GERUR pela elaboração do relatório, bem como a iniciativa de retornar ao Baixo Parnaíba, para apresentar o resultado da pesquisa. Ademais, criticaram, de forma bastante incisiva, os projetos de monocultivos de soja e eucalipto na região, o que, em que pese a informação contrária dos sojeiros e da Suzano, trouxe mais miséria e desagregação social para estas comunidades.

Cópias em CD do Relatório foram distribuídos às lideranças comunitárias(acesse o relatório aqui), com dois objetivos principais: o primeiro é de dar um retorno às comunidades do produto da pesquisa, fazendo com que se sintam parte do processo, não tratando-as apenas como "objeto" no processo. O segundo, é a possibilidade de emponderar as comunidades com todas as informações e peças técnicas produzidas pelos pesquisadores, como um instrumento de fortalecimento da luta e de cobrança do Estado na execução de políticas a fim de proteger seus territórios.

Importa ressaltar que várias destas comunidades são acompanhadas sócio-juridicamente pela SMDH e o Relatório já está sendo utilizado inclusive em processos judiciais envolvendo essas comunidades.
Liderança comunitária lendo informe sobre situação do Baixo Parnaíba
Foto: Igor Almeida
Está previsto para janeiro de 2013, em São Luís, a apresentação, pelo GERUR, o FDVBPM e a SMDH do Relatório em audiência pública, envolvendo a imprensa e os órgãos com atuação direta na região, principalmente o MPE, MPF, INCRA e ITERMA, bem como a Assembléia Legislativa do Maranhão.

PS: Por questões de privacidade e segurança, não divulgaremos fotos das lideranças comunitárias que se manifestaram contra os empreendimentos de soja e eucalipto no Baixo Parnaíba

Fonte: Territórios livres do baixo-parnaíba e Igor Almeida

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

APÓS DIPLOMADOS, QUE VENHAM O REVEILLON E A POSSE

VEJA A PROGRAMAÇÃO DE EVENTOS DE FIM E INÍCIO DE ANO EM URBANO SANTOS:

Dia 31/12/2012
09:00h
Culto religioso da posse
Peneirão

19:00h
Missa solene da posse
Igreja Matriz

22:00h
Reveillon-Banda Forró Tarado
Corredor da Folia

Dia 01/01/2013
17:00h
Cerimônia de posse
Ginásio Poliesportivo Bernardo Borges de Souza

22:00h
Festa da posse-Banda Forró na Veia
Corredor da Folia
Participação especial do 
Forró LEVADA SAKANA

DIPLOMADOS ELEITOS E SUPLENTES EM URBANO SANTOS

Vice Miguel Mesquita, prefeita Iracema Vale e vereadores: Prof. Raimundo, Leydiane, Claudete, Nati, Prof. Paulo Costa, Ricardo, Roussean na primeira fila, na segunda, Eliaquim, Gavião e Cambota,
Newton Aquino não ficou junto aos 10 vereadores.

Iracema Vale:
eleita e agora diplomada, com seu esposo Herlon Costa

Fotos: Daniel Dutra

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

PROJETO NATAL DE LUZ DIVULGA PROGRAMAÇÃO


O Projeto Natal de Luz é um evento de programação religiosa voltada para as comemorações natalinas com a participação das Igrejas Católica e Evangélicas e das escolas municipais e particulares do município.

O seu objetivo é ajudar as pessoas a viver mais intensamente a fé cristã no período natalino.

O projeto iniciou em 2011 e é coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura do município.

PROGRAMAÇÃO
DIA 19/12/12
19:30h – Apresentação da Banda Marcial “Josemar Soeiro”;
20:00h – Coral da Escola Emília Melo;
20:30h – Jogral da Escola Emília Melo;
21:00h – Coral do Colégio Dr. Magno Bacelar;
21:30h – Peça teatral “O verdadeiro sentido do Natal” do grupo PH.

DIA 20/12/2012
19:30h – Jogral da Escola Emília Melo;
20:00h – Dramatização do Colégio Assunção;
20:30h – Coral do Projovem;
21:00h – Peça “Maria e o Anjo” do Bertilla;
21:30h – Musical da Igreja Quadrangular.

DIA 21/12/12
19:30h – Coral do Colégio Deus é Amor;
20:00h – Jogral do Paulo Diniz;
20:30h – Jogral do Dr. Magno Bacelar;
21:00h – Coral da AJUS.

DIA 22/12/12
19:30h – Coral do PETI;
20:00h – Jogral do Laura Costa;
20:30h – Jogral do Dr. Magno Bacelar;
21:00h – Musical da Igreja Batista;
21:30h – Peça da AJUS.

APÓS O JEUS, GESTÃO ENCERRA COM POLÍTICAS CULTURAIS: APOIO AO CINE SESI E REEDIÇÃO DO NATAL DE LUZ





Natal de Luz: fotos 2011




quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

CONTOSETAL.BLOGSPOT.COM ATINGE 5000 ACESSOS

MA-224 RECEBERÁ MANUTENÇÃO, PORÉM APENAS DE SBRP A URBANO SANTOS

SECRETARIA DE ESTADO DA INFRAESTRUTURA
Torna público que recebeu da Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais - SEMA, a Isenção Ambiental referente a atividade de recuperação do pavimento e execução de drenagem na Rodovia MA-224 - Trecho São Benedito do Rio Preto/ Urbano Santos. São Luís, 27 de novembro de 2012. ASSJUR/SINFRA

US ON-LINE, Dia 21 de fevereiro de 2012, 14 h:

DIPLOMAÇÃO DOS ELEITOS 2012


A Justiça Eleitoral da 073ª Zona da Comarca de Urbano Santos marcou para o dia 18 de dezembro de 2012 (terça-feira), ás 14h00min no Centro Social “O Peneirão” a solenidade de Diplomação dos Eleitos dos municípios de Urbano Santos, São Bendito do Rio Preto e Belágua, no pleito municipal de 2012. O termo designa uma cerimônia formal em que será distribuídos diplomas não apenas ao eleito, mas também aos vices e no pleito municipal de 2012, eventuais suplentes.

Depois da diplomação, o candidato eleito torna-se apto para tomar posse do cargo para o qual foi democraticamente escolhido. Historicamente considerado um ato de responsabilidade do Poder Legislativo, a posse de presidentes, governadores e prefeitos se dá no Congresso Nacional, na Assembleia e na Câmara Municipal.

As cerimônias de posse obedecem a um detalhado protocolo com diretrizes tanto para o número de convidados 05 (cinco) senhas neste evento como para os simbolismos do momento. A data de posse, o dia 1 de janeiro, foi estabelecida pela Constituição de 1988.

Os membros do Poder Executivo assumem seus cargos no 1º dia útil do ano seguinte àquele em que foram eleitos. O período de diplomação e posse sucede a chamada fase de transição entre governos, quando há uma troca de informações a respeito de determinado cargo ou pasta a ser assumido pelo candidato eleito. A lei número 10.609 estabelece as regras para que haja uma alternância de poder democrática e transparente, com o respeito republicano às instituições.
Por: Noeme Barros, advogada

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

HISTÓRIA DO JEUS, APRESENTADA NA ABERTURA DO EVENTO

Veja o quadro DETALHADO de medalhas AQUI

JEUS 2012, ALTAMENTE COMPETITIVO: 
Apenas uma medalha de ouro separou o 1º colocado até o quarto, se qualquer um, 2º, 3º ou 4º, tivesse conquistado mais uma medalha de ouro, seria campeão.


HISTÓRIA DO JEUS:

A idéia de se criar o “JEUS”, surgiu em decorrência das aulas de Educação Física da professora Jorgiane, nas escolas “Ester Flora de Araujo” e “Pequeno Príncipe”, no momento em que a referida professora observou que os seus alunos se destacavam em várias modalidades esportivas.

Daí ela começou a socializar essa idéia com a Drª Darcy, a qual gostou muito e esta, levou ao conhecimento do Drº. Hans, onde o mesmo assumia o cargo de Gerente Regional da conhecida PAINEIRAS hoje a empresa SUZANO, onde foi solicitado um projeto, que imediatamente foi feito e entregue na empresa.
                                      
Em pouco tempo o projeto foi aprovado e confirmado que a paineiras patrocinaria o primeiro evento esportivo das escolas de Urbano Santos. Tudo isso podendo ser confirmado com o senhor Newton Mesquita, aqui presente, que trabalhava na referida empresa.

Imediatamente a professora Jorgiane convidou algumas pessoas para compor a 1ª Comissão Organizadora do JEUS, dentre elas o SR. Herberth, Profº Zezinho, Profº. Walter, Profº Reginaldo, que não pôde comparecer na reunião.

Para Algumas pessoas o primeiro JEUS parecia desacreditado, mas, com a perseverança e competência da professora Jorgiane, ela não desistiu, pois com as parcerias das escolas Ester Flora e Pequeno Príncipe, juntamente com o apoio total da Paineiras, as idéias foram crescendo, crescendo e exatamente no mês de outubro de 1996, o primeiro JEUS torna-se realidade.

Assim, o grande evento esportivo foi comemorado com  toda classe  estudantil, com um desfile de abertura pelas ruas de Urbano Santos, sendo os atletas conduzidos pela exuberante fanfarra do CEFET de São Luis.

Foi uma semana de muita alegria de Todas as escolas participantes, sendo as mesmas bem representadas pelos seus alunos jogadores. E nesse primeiro JEUS o Pequeno Príncipe foi consagrado como o primeiro campeão olímpico.

Em seguida, os Gestores Municipais dão continuidade a esse grande evento esportivo, percebendo que atingia uma grande massa de jovens do nosso município, chegando portanto até o XII, e ficando esquecido por alguns anos.

Srº. Aldenir, Prefeito Municipal, senhores Secretários e demais pessoas ligadas a sua administração, queremos lhes agradecer de todo o nosso coração, por trazer de volta essa brilhante competição esportiva de nossa cidade, pois ela permite que o nosso jovem fique com a mente ocupada por mais tempo.

E, Senhora Prefeita eleita IRACEMA 13, pedimos a Vossa Senhoria, que dê continuidade nesse maravilhoso evento, pois agindo assim você estará retribuindo toda confiança e credibilidade que nós depositamos em Vós, e ao mesmo tempo estará valorizando o grande esforço, empenho e dedicação da professora Jorgiane em ter dado os primeiros passos para o nosso sucesso.

Nosso muito obrigado(a),
estudantes urbanosantenses

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

CINE SESI CULTURAL PASSARÁ POR URBANO SANTOS


O Sistema Fiema, pela ação do Sesi, aderiu ao Projeto Cine Sesi Cultural, que aporta este final de semana em Barreirinhas. Nas noites de sexta (30/11), sábado (1º/12) e domingo (2/12), a partir das 19h, serão exibidos filmes de curta e longa metragem ao ar livre e de graça para a população.
A praça principal da cidade(Barreirinhas), a Praça da Matriz, será transformada em uma verdadeira sala de cinema a céu aberto. Na programação, estão garantidas as projeções dos curtas Tiger (6ª feira), Até o Sol Raiá (sábado) e Vida Maria (domingo), seguidas dos longas Eu e meu Guarda Chuva (6ª feira), O Palhaço (sábado) e Enrolados, da Disney (domingo).
Ainda em dezembro, o Cine Sesi Cultural percorrerá as cidades de Viana (de 7 a 9/12) e Urbano Santos (de 14 a 16/12).
fonte: Ascom

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

JEUS: FINAIS DO FUTEBOL SOCIETY SERÃO HOJE

ÀS 17:30H SERÁ DEFINIDO O 3o COLOCADO DO MASCULINO
EMÍLIA X MAGNO

ÀS 18:30H SERÁ DECIDIDO O CAMPEÃO DO FEMININO
CHAGAS X ESTER

ÀS 19:30H SAI O CAMPEÃO DO MASCULINO
CHAGAS X ESTER
(de novo)






BANDAS PARA O REVEILLON E POSSE:


SUZANO PROMOVE FÓRUM DE INCLUSÃO DIGITAL EM URBANO SANTOS


Foto: Iran Avelar
TEXTO: ÍCONE COMUNICAÇÃO

A Suzano Papel e Celulose está promovendo o 1º Fórum de Inclusão Digital do Baixo Parnaíba. O evento, que prossegue até a próxima quinta-feira, dia 6 de dezembro, teve inicio nesta terça, dia 4, com abertura solene que contou coma presença de autoridades, representantes da Suzano e participantes do projeto. O Fórum acontece no Sindicato dos Professores, em Urbano Santos (MA), e visa socializar as boas práticas do projeto Inclusão Digital, executado em parceria com a Estação Digital e o Centro de Promoção e Direitos Humanos do município de Santa Quitéria.

Os resultados do projeto Inclusão Digital sinalizam a eficácia da inserção dos jovens no segmento de tecnologia da informação. Das nove salas comunitárias em funcionamento, cinco já concluíram a certificação de seus alunos. Desta forma, são cerca de 742 jovens certificados nos cursos de informática básica, avançada e manutenção. O projeto também direcionou 22 jovens na conquista de uma posição no mercado de trabalho.

Além de elaborar estratégias para promoção da inclusão digital e social, o Fórum possibilita ainda uma troca de experiências e conhecimentos entre educadores sociais, coordenadores das salas comunitárias de informática, parceiros, associações, poder executivo, entidades de classe e a comunidade em geral.

Telecentros
Os primeiros Telecentros foram inaugurados em agosto de 2011, sendo duas unidades no município de Urbano Santos (MA) e uma terceira unidade em São Benedito do Rio Preto (MA). No momento, o projeto totaliza 13 unidades na região do Baixo Parnaíba Maranhense, atendendo mais de cinco mil participantes/ano. Os  Telecentros  promovem inclusão digital em zona urbana e rural, geração de renda aos facilitadores e amplia os canais de comunicação dos moradores dessas regiões, fortalecendo assim a cidadania.

Sobre a Suzano Papel e Celulose
A Suzano Papel e Celulose (Bovespa: SUZB5, OTC: SUZBY e Latibex) é uma empresa de base florestal e uma das maiores produtoras verticalmente integradas de papel e celulose de eucalipto da América Latina. Controlada pela Suzano Holding e parte do Grupo Suzano, investe no setor de papel e celulose há 88 anos, com operações globais em aproximadamente 60 países. Atualmente, possui cinco unidades industriais: Suzano, Rio Verde, Limeira e Embu, no interior do Estado de São Paulo, e Mucuri, no Estado da Bahia. A operação da companhia está dividida em três unidades de negócios: Florestal, Celulose e Papel. Em 2010, com a definição de um novo posicionamento estratégico, sua atuação da ganhou duas novas frentes: energia renovável e biotecnologia.

segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

FUNDAÇÃO ABRINQ APRESENTARÁ RESULTADOS DE PROJETO DE REFORÇO ALIMENTAR DE CRIANÇAS URBANOSANTENSES


O Projeto que tem como objetivo contribuir com a saúde e a nutrição das crianças de 0 a 5 anos em 10 municípios das regiões Norte e Nordeste, com alta incidência de desnutrição e assim promover hábitos alimentares saudáveis em crianças de creches e pré-escolas e a valorização de alimentos regionais na alimentação infantil divulgará resultados alcançados pelo projeto e avaliará os avanços e desafios na implementação do Planos de Ação elaborados em junho deste, visando aperfeiçoar o enfrentamento da insegurança alimentar e nutricional em cada município.
As reuniões acontecerão na primeira semana de dezembro, nas seguintes datas:
- 03/12 (2ª feira), das 9h às 13h, em Milagres do Maranhão - na Câmara Municipal;
- 04/12 (3ª feira), das 9h às 13h, em Mata Roma - no Salão Paroquial;
- 05/12 (4ª feira), das 8h30 às 12h30, em Chapadinha - no Auditório da Prefeitura;
- 06/12 (5ªf), das 8h30 às 12h30, em Urbano Santos - no Centro Social "Peneirão".
Assim como em junho, a expectativa é que as reuniões contem com a presença de representantes do Gabinete da Prefeitura, das Secretarias Municipais de Saúde, Educação, Assistência Social e Agricultura, bem como de representantes de Conselhos afins e de lideranças da Pastoral da Criança e STTR.

Texto: Juliana Lordello Sícoli, Fund. Abrinq, com adaptações